Rádio Campo Maior AM
Canudos FM
SM Publicidade
Fundação Canudos
Quixeramobim
Fale Conosco
Você concorda com o aumento no número de vereadores em Quixeramobim nas eleições de 2020?




 
Segunda-feira, 24 de julho de 2017.
Clique aqui para ouvir nosso Jingle
No ar: Conexão 106
No ar: Show Popular
 

Sérgio Machado
Radialista


Osvaldo Martins - O homem, o político
   

A recente partida do ex-prefeito Osvaldo Martins, que por duas vezes esteve à frente da Prefeitura Municipal de Quixeramobim deixou naqueles que o conheceram e presenciaram sua carreira e sua luta contra a doença um profundo sentimento de respeito e de saudade.

Homem simples herdou da mãe dona Rosália a sensibilidade no trato com as pessoas. Suas gestões foram marcadas pela atenção e o cuidado com a criança, com o idoso, com o funcionalismo público, enfim, pela sua gente.

Em uma Quixeramobim à época, ainda pequena, no mês de maio de 1974, com o afastamento do então prefeito Alfredo Almeida Machado para concorrer a uma vaga para deputado estadual, assumia o jovem Osvaldo Martins, o professor. Foram dois anos de mandato, exercido com o entusiasmo e a bravura daqueles que acreditam na força do trabalho para a transformação social.

Era esse o perfil de Osvaldo, que levantava cedo, quando a cidade ainda despertava e percorria as ruas, acompanhando as obras, cumprimentando as pessoas, olhando no olho de cada um, se inteirando dos acontecimentos, percebendo o dia a dia do município. Assim era feita sua agenda de trabalho, a partir das demandas da população.

Em tempos de grandes estiagens, de falta de recursos, a figura de um homem batalhador, que trabalhou incansavelmente em prol do progresso do município. Como professor, amante da educação, Osvaldo sabia a importância de se investir em equipamentos para a formação de nossas crianças. Tanto que assim como no primeiro mandato, no segundo, compreendido no período de 83 a 88 empenhou esforços no sentido de construir escolas nos lugares mais longínquos do município. A Escola Agrícola Deputado Leorne Belém foi inaugurada durante sua última gestão, passando a ser um motivo de orgulho para a população.

Em seus tempos áureos a Escola Agrícola foi considerada uma escola modelo, funcionando em período integral e contribuindo para a formação da grande maioria dos técnicos agrícolas que hoje atuam no município, que recebiam ainda no ensino fundamental as primeiras lições, sendo depois destinados a escolas agrotécnicas, como as unidades de Pacatuba, Crato e Iguatu.

Também se destacou pela construção do Mercado da Carne, com recursos exclusivos da Prefeitura, da Rodoviária, da Praça São Vicente de Paulo, dentre muitas obras públicas, mas o que fica mesmo, o legado de um homem como Osvaldo Martins é muito maior do que as obras materiais, é a lição de vida, de luta de uma pessoa que num tempo onde não havia repasses federais e estaduais como hoje, conseguiu com os poucos recursos municipais combater a miséria, o analfabetismo e tantos outros males que historicamente assolam o semi-árido e perduram até hoje, em verdade, em menor escala, no nosso município.
 

É a lição de administrador acessível ao povo, do homem que tantas vezes abdicou de momentos com a família para estar do lado do povo, em situações em que sua presença foi determinante, não só como prefeito, mas como pessoa humana de fibra que foi e que mesmo com as limitações impostas pela doença se portou com resignação, com dignidade. É o legado de um pai amoroso, que soube educar seus filhos para torná-los pessoas de bem.

Se hoje o município vivencia um ciclo de desenvolvimento não podemos deixar de registrar a contribuição daqueles que de forma efetiva concorreram para a evolução desse processo. E Osvaldo foi, sem dúvida um dos grandes nomes, um homem que com sua visão holística soube preparar o nosso município para esse ciclo de crescimento.

Sua partida foi uma grande perda, mas sua maior obra se perpetua entre nós: sua postura íntegra, que conseguiu o que na política e na vida é um desafio: conquistar o respeito dos amigos e dos adversários. O Osvaldo professor, vereador, prefeito, foi um homem que devotou sua vida inteira aos interesses coletivos, mas foi acima de tudo um homem de quem seus filhos poderão se orgulhar. Foi um homem que figurará para sempre na galeria daqueles que acreditaram em seus sonhos, na capacidade de sua gente, na força do trabalho e empenharam seus esforços em prol da melhoria da vida das pessoas.

É a esse homem a quem Quixeramobim tanto deve que nos reportamos hoje, com saudade, com admiração e, sobretudo, com gratidão. Obrigado, professor. Que o Pai o acolha em seus braços. Descanse, guerreiro, na certeza de que seu exemplo de vida é um estímulo para cada um de nós que acreditamos num mundo melhor e mais justo. 


  imprimir
enviar para um amigo 
voltar

1 Comentário

por Jairo Alves Teixeira, em 18 de Dezembro de 2009 as 17:18
TESOURO EM MEIO ÀS DIFICULDADES CONSCIÊNCIA TRANQUILA Não tive o prazer de conhecer Osvaldo Martins pessoalmente, mas eu era seu parente e me orgulhava disto, pois sempre ouvi do meu pai, quixeramobiense, hoje com 100 anos de idade, os melhores e/ou mais honrosos comentários a seu respeito. Aliás, sobre Osvaldo Martins e sobre outros parentes que tanto serviram e tanto honraram a sua querida terra. “Cada homem e cada mulher, se quiserem, podem reter consigo um tesouro de inavaliável expressão, em qualquer parte da Terra, inacessível a qualquer alteração. Reformas monetárias não lhe causam transtornos. Conflitos domésticos não lhe dilapidam a segurança. Doenças do corpo não lhe deformam a estrutura. Opositores não lhe alcançam a grandeza. Esse tesouro é a consciência tranqüila, com o sorriso da fraternidade e com a alegria de servir e de viver.”

Deixe seu comentário



Outros Artigos:
 
 
 
 
Sistema Maior de Comunicação
Rua Monsenhor Salviano Pinto, 507 – Centro CEP 63800-000 Quixeramobim – CE
Fones: (88) 3441.0263 / 3441.1178 Fax: (88) 3441.1209 - E - mail: contatomaior@sistemamaior.com.br
Copyright © 2006-2017  - Todos os direitos reservados