Rádio Campo Maior AM
Canudos FM
SM Publicidade
Fundação Canudos
Quixeramobim
Fale Conosco
Você concorda com o aumento no número de vereadores em Quixeramobim nas eleições de 2020?




 
Sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017.
Clique aqui para ouvir nosso Jingle
No ar: Forrozão da Canudos
No ar: Saudades do Meu Sertão
 
 
 

Bruno Paulino
Membro da Academia Quixadaense de Letras. Autor dos livros “Lá nas Marinheiras e outras crônicas” (Imprece, 2012) e “A Menina da Chuva” (Premius, 2013)


 

Caçando lagartixas e criando um Godzilla
   
Eu sempre achei as lagartixas animais simpáticos e bonitinhos, com aquele jeito particular de se comunicar acenando com a cabeça. Na infância eu caçava lagartixa com o único objetivo de caçar lagartixa, como se precisasse de um outro motivo maior para caçar lagartixa.

Lembro que diziam que se eu acertasse apenas o rabo do pequeno e indefeso réptil, e o deixasse vivo, cresceria novamente nele não apenas um, mais dois rabos. Nunca confirmei a veracidade de tal boato, mas gostava de acreditar que isso acontecia.

Quando num tiro certeiro de baladeira - confesso que era algo raro - o rabo da lagartixa ficava tendo aqueles movimentos involuntários ainda que depois de um bom tempo despregado do corpo, eu observava a cena atento, ao passo que desenvolvia mil teorias biológicas para tal proeza da natureza.

Na minha frutífera imaginação o lagarto grandioso do Godzilla que aparecia na televisão existia mesmo lá no outro lado do mundo, e estava de alguma forma ligado ao rabo daquela lagartixa que eu acabara de abater num tiro certeiro.

E por favor não venham me dizer que as lagartixas não são ainda hoje os bichos mais poéticos que sobem pelas paredes.

  imprimir
enviar para um amigo 
voltar
Outros Artigos:
 
 
 
 
Sistema Maior de Comunicação
Rua Monsenhor Salviano Pinto, 507 – Centro CEP 63800-000 Quixeramobim – CE
Fones: (88) 3441.0263 / 3441.1178 Fax: (88) 3441.1209 - E - mail: contatomaior@sistemamaior.com.br
Copyright © 2006-2017  - Todos os direitos reservados